segunda-feira, 26 de julho de 2010

A LEI E AS SACOLAS


Sábado agora ,fiz uma festa no sítio e procurei ser a mais ecologicamente correta,dentro do possível.Então:coloquei todas as cascas dos alimentos utilizados na minha composteira;utilizei garrafas de cerveja retornáveis , latas,as quais foram separadas para serem vendidas.Os refrigerantes PET,depois de vazios e lavados serão encaminhados para uma amiga que está fazendo belíssimos puffs.Não usei nada descartável.Economizei como pude a água da casa.Contudo,um fato me chamou a atenção.Com a obrigatoriedade do cumprimento da Lei das Sacolas Plásticas,temos visto várias controvérsias em relação ao uso/desuso.Bem,ao fazer as compras para a festa, no dia anterior fomos ao mercado munidos de muitas sacolas de pano.Não trouxemos nenhuma sacolinha de plástico e tbm não exigimos o desconto dos 0,03 centavos.Agora,ao chegarmos em casa e arrumarmos as compras,vi uma quantidade de PLÁSTICOS que vieram sem eu querer:Quais? As embalagens plásticas que acondicionam as garrafas PET / os sacos plásticos que acondicionam alguns alimentos como:açúcar,feijão,arroz,farinha e etc...Ou seja,estamos nos preocupando somente com as sacolas enquanto o plástico nos persegue.É mais uma reforma ,ou melhor,mudança que temos que fazer na nossa vida.A volta das embalagens de papel.Incrível que a modernidade,que deveria ter vindo em nossa auxílio,acaba por nos ajudar a degradar o nosso Planeta.Vamos pensar um pouco nisso?O que podemos fazer ?
A fotografia foi retirada de uma postagem anterior e foi feita por mim.
ESTUDO DE IMPACTO AMBIENTAL:análise das consequências da implantação de um projeto no meio ambiente,por meio de técnicas de previsão de impacto.Etapa imprescindível para a criação do Relatório de Impacto Ambiental( RIMA )(glossário - BARSA PLANETA)

17 comentários:

c i n t i a disse...

No sabado tb teve festinha la em casa: todas as latinhas foramm levadas pelos catadores que já sabem qdo temos latas pra doar. O resto, os utensilios, todos de vidro ou louça, que lavamos e guardamos. Não sobrou quase nada então nem precisei jogar fora.
Adoro suas ações.
Bjs!

Cristiane Iannacconi disse...

parabens, Mimi!
realmente precisamos nos preocupar c as embalagens plásticas em abundancia dos produtos q costumamos trazer p casa... também recuso as sacolas sem pedir desconto, e na maioria dos casos os atendentes de lojas e mercados não entendem, fazem cara de espanto. Seria tão bom se nossa sociedade evoluísse em filosofia e ética na mesma medida em q evoluímos tecnologicamente. Ouso as pessoas perguntarem como vão fazer agora sem as embalagens plásticas sem sequer pararem para pensar q somos perfeitamente capazes de encontrar novas soluções... aiai.

Vanisse Tureck de Oliveira disse...

Se todos pensassem assim...ei qual selinho é pra mim pegar querida!!! Bjos...

www.cha-com-biscuit.blogspot.com disse...

Sabe Mi, eu sempre fui meia avessa ao progresso, sempre me questiono por que o homem precisa de tanto, por que tanto exagero.
Abraços.

Tati Pastorello disse...

Mimi, sinto o mesmo, em especial na sessão de frios, onde as padarias não apenas embalam em plástico, como também em isopor... Quando eu vou ao mercado peço para pesar, e neste caso, vem só no plástico. Ou seja, reduzo ao recusar o isopor, mas não vejo como evitar o plástico neste caso.
Tem áreas que tornam-se mais difíceis, exigem saídas criativas e grande empenho. Se tiver uma boa saída, compartilhe!
Adoro passar por aqui, estou sempre aprendendo muito.
Beijos.

Silvia D. Schiros disse...

Monique, eu resolvo a questão dos plásticos dos alimentos comprando a granel, na feira. Levo meus próprios potes. E, ainda assim, acho que trago muito lixo pra casa...

O problema do plástico que embala os pets pode ser resolvido abolindo os refrigerantes. Ainda não me aventurei nisso, acho que vai ser agora, no início de agosto, aniversário da minha filha mais velha. Ela não gosta de refri mesmo, acho que vou servir sucos naturais e água de coco. Vou levar uma garrafa pet de 5 litros que uso para encher de água do filtro à feira e encher de água de coco fresca.

Embora eu ainda não tenha composteira, melhor fazer lixo orgânico do que plástico, né?

Mimirabolante disse...

Gente,adorei a participação de voces.......cada uma deu um feedback muito legal !!!!Obrigada e beijocas

Poesia do Bem disse...

oI SAUDADES, VOLTEI DE VIAGEM E AGORA RETOMO AS VISITAS AOS AMIGOS.BELA INICIATIVA COMO SEMPRE VC ECOLOGICAMNTE CORRETA E DANDO BONS EXEMPLOS BJSSSSSSSS

Vanisse Tureck de Oliveira disse...

Tem selinho pra vc no meu blog!!! Bjos!!!

DILERMArtins disse...

Mas bah, guria.
Vir até aqui é sempre uma lição, aqui na chácara combatemos o desperdício de forma sistemática, mas ainda sai muito lixo seco(latas, plásticos e vidros) e olha que reaproveitamos quase tudo, pets servem de bebedouros para coelhos, mamadeiras para terneiros e isolantes para cercas, vidros sã reutilizados(com tampas novas) para doces e por ai vai...O lixo úmido vai para a esterqueira, vira adubo orgânico.

Mimirabolante disse...

Bem vinda Paula !!!!

Mimirabolante disse...

Obrigada Vanisse......já peguei!!!bjcas

Mimirabolante disse...

Gostei,Diler......vc tbm tem grandes ideias.....bjcas

Sônia Silvino disse...

Oi, Monique queriiiida!
Ainda está bem difícil nos livrarmos dos plásticos!
Bjkas, muitas!

Mimirabolante disse...

É verdade Sonia.....isso já é um grande problema,porém,se tivermos boa vontade,iremos conseguir realizar as mudanças que precisamos......bjcas

Daniela Lima disse...

Oi Monique,

Se metade do mundo fosse mimirabolante como vc os albatrozes não estavam levando plástico para seus filhotes... a lei é por uma boa causa, mas como vc mesmo menciona, o plástico chegou até sua casa de outras formas, fiz um post sobre os orgânicos outro dia... mas dei ênfase a embalegem dos orgânicos, embora minimizem os impactos ambientais negativos em sua produção, infelizmente os alimentos orgânicos vem embalados em plásticos e isopor!!!E aí? bjooo

dispersando este post no twitter agoraaaa

Mimirabolante disse...

Daniela,realmente nós estamos com poucas opções....eu vejo que em São Carlos(SP)já tem supermercado mais sustentável!!!!Temos que continuar a nossa coinscientização....obrigada pelo apoio e carinho......bjcas