sexta-feira, 10 de agosto de 2012

AMAMENTAR É UM ATO DE AMOR !


e o colostro saiu pelos bicos como um chafariz

" Na hora em que o médico puxou o bebê,que eu ainda não sabia ser uma menina,os meus seios cresceram e o colostro saiu pelos bicos como um chafariz,pode parecer loucura,uma fantasia,porém,é real ,aconteceu !

No momento em que isto aconteceu,o médico ,Dr.Simão ,colocou a Débora em cima do peito e ali mesmo ela sentiu as primeiras gotas de vida.

Me emocionei e todos ,que presenciaram também....

O leite materno sempre foi a alimentação primordial,mesmo ela indo para a creche com 3 meses. Nunca desisti . Nunca quis substituir este momento de afeto.

Ela ficava lá a tarde toda dormindo e só acordava quando eu chegava com os seios latejando .

Limpava-os e ali mesmo me entregava a ela.

Paulo ,meu marido sempre ao meu lado,embevecido,orgulhoso e feliz !

Confesso:o mamilo doeu nas primeiras horas,porém o PRAZER.....isso mesmo,eu sentia prazer em amamentar,em estar com aquele ser e nada ,nem ninguém iria me tirar isto.

Não íamos a festas,não saiamos sem ela ,ela estava sempre conosco .E na madrugada,Paulo ficava ao meu lado enquanto eu amamentava

Um dia,ela ía fazer dois anos,a minha sogra ficou sem paciência em esperar eu voltar de uma reunião de trabalho,comprou uma mamadeira e deu um nescau morninho .Não teve outra alternativa e foi assim Débora largou o peito .

Quando fiquei grávida do Daniel,tive leite até o oitavo mês .

Mais ou menos na véspera dele nascer , parecia que eu não tinha leite .

A bolsa então rompeu a meia noite e ele nasceu as 3 da manhã .

Meus filhos nasceram com o mesmo tamanho eo mesmo peso .

Assim que ele nasceu , fiquei desesperada,achando que não tinha tanto leite quanto na primeira gravidez .

bobagem,pois o Pediatra que assistiu o meu parto,Dr. Fábio ,era adepto ao aleitamento materno ,me acalmou ,me incentivou e de repente,sem mais nem menos,o meu leite desceu.

Me lembro como se fosse hoje,senti uma dor forte nas axílas e o colostro gotejou .Dr.Fábio pegou e colocou Daniel para mamar .

O melhor foi que desta vez,o bico não doeu e nem sangrou.

Momentos de felicidade total.

Mais uma maneira de passar todo o meu amor ,todo o meu carinho.

Daniel mamou até os 2 anos.

Eu precisei fazer o desmame : eu estava abaixo do meu peso,muito magra e cansada,com uma carga grande de trabalho .Se não fosse isso,jamais teria interrompido a amamentação.

A amamentação permite um contato maior com os nossos filhos,além de ser um hábito saudável é o maior ato de amor.

Sempre que posso,gosto de contar as minhas boas experiências,não só com a amamentação ,assim como com o Parto Normal .

Tive os meus filhos por parto normal e amamentei-os bastante.

São dois adultos saudáveis,com boa saúde mental e afetiva.

Gosto de incentivar a amamentação .

Tive muita sorte com os meus dois Pediatras:Dr.Álvaro e o Dr.Fábio,e depois com o Dr. Nilo que cuidou deles até quase dez anos de idade

Fico muito triste em ver que as jovens mães ,atualmente ,são incentivadas a fazerem cesária e a darem mamadeiras ao invés do seio materno ."


Monique Futscher ,Blogueira e Filantropa

Mãe com muito amor e orgulho de : Débora : 29 anos e Daniel : 26anos







4 comentários:

Luma Rosa disse...

Monique, também parei de amamentar por aconselhamento médico, pois estava magra demais e quase anêmica. Sinto muitas saudades daqueles dias e por isso, por essa alegria que sentia amamentando, incentivo todas as mulheres a também fazer o mesmo. Parabéns!

Mimirabolante disse...

Obrigada Luma Rosa.....é muito bom ler a sua mensagem....bjcas

Mutante disse...

que legal, eu penso que não vou ser mãe, mas acho muito bacana amamentar e parir de parto normal, também acho bem ruim essa mania de fazer cesariana sem necessidade, mas, tudo está muito louco no mundo... as pessoas não querem sofrer, tomam aspirina ao menor sinal de dor, ao invés de tentar saber o que causou a dor, melhorar a alimentação, etc...
o corpo bonito é mais importante que tudo, a grana então, nem se fala!
felizes os que sabem ver as coisas de modo diferente ;)

Mimirabolante disse...

É Mutante......ser mãe deve ser uma grande escolha.....se preparar para amar ao próximo com todas as forças.......trazer um ser ao mundo por parto normal e alimentá-lo ao seio ,além de benéfico para a nossa saúde física e espiritual,é um prazer inenarrável!!!bjcas